Total de visualizações de página

terça-feira, 12 de novembro de 2013



Funções dos Centros de Referências Regionais 

em Saúde do Trabalhador 


CEREST - REGIONAL)


Aos CEREST Regionais, enquanto unidades especializadas de 


retaguarda para as ações de Saúde do Trabalhador no SUS, 



compete:



1) atuar como agentes facilitadores na descentralização das ações 

intra e intersetorial de Saúde do Trabalhador;

2) realizar e auxiliar na capacitação da rede de serviços de saúde, 

mediante organização e planejamento de ações em saúde do 

trabalhador em nível local e regional;
3) ser referência técnica para as investigações de maior 

complexidade, a serem desenvolvidas por equipe interdisciplinar e, 

quando necessário, em conjunto com técnicos do CEREST 

estadual;

4) dispor de delegação formal da vigilância sanitária nos casos em 

que a saúde do trabalhador não estiver na estrutura da vigilância 

em saúde ou da vigilância sanitária;


5) propor e assessorar a realização de convênios de cooperação 

técnica com os órgãos de ensino, pesquisa e instituições públicas 

com responsabilidade na área de saúde do trabalhador, de defesa 

do consumidor e do meio ambientes;

6) realizar intercâmbios com instituições que promovam o 

aprimoramento dos técnicos dos CEREST para que estes se tornem 

agentes multiplicadores;
7) subsidiar a formulação de políticas públicas e assessorar o 

planejamento de ações junto aos Municípios;

8) assessorar o poder legislativo em questões de interesse público;

9) contribuir no planejamento e na execução da proposta de 

formação profissional da rede do SUS e nos pólos de capacitação;



10) facilitar o desenvolvimento de estágios, trabalho e pesquisa 

com as universidades locais, as escolas e os sindicatos, entre outros;

11) contribuir nos projetos das demais assessorias técnicas 

municipais;

12) fomentar as relações interinstitucionais;

13) articular a vigilância em saúde do trabalhador com ações de 

promoção como proposta de Municípios saudáveis;

14) apoiar a organização e a estruturação da assistência de média e 

alta complexidade, no âmbito local e regional, para dar atenção aos 

acidentes de trabalho e aos agravos contidos na Lista de Doenças 

Relacionadas ao Trabalho, que constam na Portaria nº 1339/GM, 

de 18 de novembro de 1999, e aos agravos de notificação 

compulsória citados na Portaria GM nº 777, de 28 de abril de 2004:


a) acidente de trabalho fatal;




b) acidentes de trabalho com mutilações;




c) acidente com exposição a material biológico;




d) acidentes do trabalho com crianças e adolescentes;




e) dermatoses ocupacionais;




f) intoxicações exógenas, por substâncias químicas, incluindo 




agrotóxicos, gases tóxicos e metais pesados;




g) lesões por esforços repetitivos (LER), distúrbios 




osteomusculares relacionados ao trabalho (DORT);




h) pneumoconioses;




i) perda auditiva induzida por ruído (PAIR);




j) transtornos mentais relacionados ao trabalho; e




l) câncer relacionado ao trabalho.




CONTATE-NOS!!! ESTAMOS Á SUA 

DISPOSIÇÃO SEMPRE!!!



AOS ANIVERSARIANTES DO DIA...



$$$EMPREENDA, FAÇA E VENDA$$$

CULINÁRIA FÁCIL...

ARROZ DE FORNO Á TOSCANA
INGREDIENTES:
100 gramas de bacon em cubos pequenos


2 linguiças defumadas fatiadas

1 cebola roxa picada

2 dentes de alho picados

suco de 2 limões cravos

1 cubo de caldo de carne

1 colher (sopa) de tempero seco lemon pepper

1 lata de tomate pelado

1 lata de milho verde

1 xícara (chá) de ervilhas frescas

1 xícara (chá) de castanha de caju

1 colher (café) de sal

3 ½ xícaras (chá) de arroz parboilizado

5 ramos de tomilho

6 xícaras (chá) de água (aproximadamente)

mostarda e molho de pimenta opcional

Outros Ingredientes:
1 vidro de requeijão cremoso

150 gramas de queijo parmesão ralado

140 gramas de batata palha


Modo de preparo

Coloque uma assadeira em cima da boca do fogão e 

refogue a lingüiça junto com o bacon e azeite. Em seguida, 

acrescente a cebola, o alho, refogue e coloque o restante 

dos ingredientes. Regue com a água, misture e cubra com 

papel alumínio. Leve ao forno quente (160ºC) por 

aproximadamente 1 hora e meia. Lembre-se de a cada 30 

minutos verificar se a água do arroz não secou, se isso 

acontecer e o arroz estiver durinho coloque mais um pouco 

de água. Quando o arroz estiver cozido, coloque por cima o 

requeijão, o parmesão e leve para gratinar. Retire do forno, 

cubra com a batata palha e sirva


TRONCO DE NATAL...
20 porções


massa:

8 ovos

1 xícara de açúcar 

1 colher (chá) de essência de baunilha

1 xícara de farinha de trigo


Recheio:

2 colheres (sopa) de marasquino

xícara (320g) de geléia de damasco



Cobertura:

100 g de chocolate meio amargo picado

1/2 xícara (100g) de manteiga

1 xícara de açúcar de confeiteiro

1 clara


Modo de fazer:


1 - Unte uma assadeira de 30x45cm com manteiga. Forre o 

fundo com papel-manteiga e unte também o papel. 

Reserve. 

Preaqueça o forno em temperatura alta (220°C).

2 - Na batedeira, bata os ovos, o açúcar e a baunilha , em 

velocidade alta até obter uma mistura bem fofa.

3 - Aos poucos, acrescente a farinha de trigo, misturando 

sem bater, até obter uma massa homogênea.


4 - Coloque a massa na assadeira e nivele a superfície. 

Asse por cerca de 20 minutos ou até ficar levemente 

dourada. 

Tire do forno.



5 - Desenforme sobre um pano umedecido com água e 

polvilhado com açúcar de confeiteiro. Tire o papel.


6 - Junte o marasquino e a geléia de damasco e misture 

bem.


7 - Espalhe o recheio sobre a massa ainda quente e, com 

ajuda do pano, enrole no sentido do comprimento para 

formar o rocambole. Deixe o rocambole esfriar 

completamente embrulhado no pano.


8 - Coloque o chocolate numa tigela refratária e derreta em 

banho-maria, mexendo sempre, até


9 - Na batedeira, bata a manteiga e o açúcar de confeiteiro 

até obter uma mistura cremosa.


10 - Junte o chocolate já frio e a clara, e continue batendo 

até a mistura ficar homogênea. Reserve


11 - Desembrulhe o rocambole. Corte em viés, um pedaço 

de uma das extremidades do rocambole e uma fatia da 

outra extremidade.m cima do rocambole.



12Coloque o rocambole num prato de servir e arrume os 

pedaços cortados como se fossem galhos de um tronco, 

colocando-os ao lado e e ficar homogêneo. Deixe esfriar.


13 - Com uma espátula, cubra toda a superfície do 

rocambole com o creme de chocolate. Com um garfo, faça 

desenhos sobre o creme, imitando a casca do tronco.


Dica 

Polvilhe o tronco com cacau em pó misturado com açúcar 

de confeiteiro. Enfeite com trufas de  chocolate

 cookies recortados em forma de folhas.




MENSAGEM...















Nenhum comentário: