Total de visualizações de página

quarta-feira, 8 de maio de 2013

Técnico em Segurança pode ministrar treinamento de trabalho em altura – 

NR 35?!?!?


A NR 35 já é uma realidade, mas, um item da norma ainda nos deixa um pouco indecisos, o item em questão é o referente ao treinamento de trabalho em altura.

Técnico, Engenheiros em Segurança do Trabalho e outros
 interessados, só poderão ministrar o treinamento de 
trabalho em altura NR 35 se fizerem o curso para Instrutor 
para Trabalhos em Altura, ou tiveram a”tal proficiência” 
descrita na NR 35Então, com o CURSO E A PRÁTICA de 
campo adquirirão a tal proficiência mencionada na NR e 
poderão ministrar o treinamento.
É importante lembrar que tudo relacionado a segurança do trabalho exíge provas. Então, guarde os comprovantes referentes a cursos e palestras relacionados ao assunto. No entanto, a melhor prova é sempre o registro em carteira de trabalho, essa é a mais difícil e respeitada delas. Quanto mais provas melhor.
Vale lembrar que a NR 35 descreve que o treinamento deve ser realizado com a supervisão de profissional capacitado em Segurança do Trabalho. Então amigos, nós estamos inseridos no treinamento de um jeito ou de outro.
Quem supervisiona se torna responsável em conjunto com o instrutor.
Esteja de olho no conteúdo ministrado no treinamento, e se necessário for, faça adaptações para atender a norma sem deixar brechas. Se estiver apto a ministrar, melhor ainda, terá o controle de tudo nas mãos!
 Conforme o item da norma 35.3.6 O treinamento deve ser ministrado por instrutores com comprovada proficiência no assunto, sob a responsabilidade de profissional qualificado em segurança no trabalho.Voce pode ministra sim o treinamento pois após realizar o curso vc passa ter essa proficiência que a norma pede,agora em relação a aplicar o curso deve se cumprir os requisitos:a) normas e regulamentos aplicáveis ao trabalho em altura;


a) normas e regulamentos aplicáveis ao trabalho em altura;

b) análise de Risco e condições impeditivas;
c) riscos potenciais inerentes ao trabalho em altura e medidas de prevenção e controle;

d) sistemas, equipamentos e procedimentos de proteção coletiva;

e) equipamentos de Proteção Individual para trabalho em altura: seleção, inspeção, conservação e limitação de uso;

f) acidentes típicos em trabalhos em altura;

g) condutas em situações de emergência, incluindo noções de 
técnicas de resgate e de primeiros socorros.

Além disso e sempre bom realizar um treinamento que não fique uma situação monótona (chata), pois é preciso seguir esse conteúdo com materiais que realmente os colaboradores entenda o risco do trabalho em altura,proteção epc,epi,passar a mensagem que existe um meio de trabalhar em altura com segurança.

 

 
CONTATE-NOS!!!

$$$EMPREENDA, FAÇA E VENDA$$$






























CULINÁRIA FÁCIL...

FILÉ AO MOLHO GORGONZOLAFoto: Chef Guilherme Wypyszynski Walter (Ataliba de Florianópolis)
8 medalhões de
 filé mignon de mais ou menos 150g cada


1 dente de alho picado


1/2 Cebola picada


1 colher (sopa) de manteiga


Sal e pimenta do reino a gosto


150g de queijo gorgonzola amassado


1 xícara (chá) de nata


Noz-moscada a gosto


Azeite de oliva


Modo de preparo


Tempere o filé com o alho, sal e pimenta a gosto.


Reserve.

Aqueça uma panelinha com um fio de azeite de oliva e frite a cebola até
dourar.

Baixe o fogo, adicione a nata e mexa até ferver.


Desligue e acrescente o queijo gorgonzola, tempere com noz-moscada,

corrija o sal e reserve.


Aqueça bem a manteiga em uma frigideira grande, quando estiver bem

quente, doure os filés de todos os lados e vá virando até que atinja o

ponto desejado.


Recomendo que fiquem ao ponto para mal passado.


Deixe que descansem por alguns minutos para que o suco da carne

retorne para o centro.


Aqueça o molho, disponha sobre o filé e sirva acompanhado de arroz

branco, batatas grelhadas e uma salada leve.



Rendimento: 8 porções


Tempo de preparo: 30 minutos



Fonte: Comida e Receitas 


MOUSSE AMOR!!!
Foto: Shutterstock

Ingredientes

  • 1 envelope de gelatina em pó sem sabor


  • 4 colheres (sopa) de água

  • 1 lata de leite condensado

  • 1 lata de iogurte natural (use a lata de leite condensado vazia para 

  • medir)

  • 1 pote de cream cheese (150g)

  • 2 claras

  • 2 colheres (sopa) de açúcar

Calda

  • 1/2 xícara (chá) de geléia de morango

  • 4 colheres (sopa) de água

Modo de preparo

Em uma panela, polvilhe a gelatina na água e deixe descansar por 5 

minutos.

Leve ao fogo baixo, em banho maria, até dissolver.

Transfira para o liquidificador, adicione o leite condensado, o iogurte, 

o cream cheese e bata até obter um creme homogêneo.

À parte, bata as claras em ponto de neve.

Acrescente o açúcar, aos poucos, batendo até obter um suspiro.

Misture delicadamente ao creme e despeje em taças individuais.

Leve à geladeira por 4 horas ou até firmar.

Em uma panela, leve ao fogo a geléia, a água e cozinhe até ferver.

Deixe esfriar, despeje sobre a mousse e sirva.

Rendimento: 8 porções


Fonte: Comida e Receitas 



MENSAGEM...



Nenhum comentário: