Total de visualizações de página

sexta-feira, 5 de julho de 2013

GESTAO DE COMPETENCIAS!!!




CONCEITO E DEFINIÇAO... 

Gestão por competências é um programa sistematizado e 

desenvolvido no sentido de definir perfis profissionais que 

proporcionem maior produtividade e adequação ao negócio, 

identificando os pontos de excelência e os pontos de 

carência, suprindo lacunas e agregando conhecimento, 

tendo por base certos critérios objetivamente mensuráveis.


A definição de competência está baseada no CHA, que são 

os conhecimentos (C) e as habilidades (H), competências 

técnicas, e as atitudes (A), competências comportamentais, 

que uma pessoa possui.O conhecimento tem relação com a 

formação acadêmica, o conhecimento teórico. A habilidade 

está ligada ao prático, a vivência e ao domínio do 

conhecimento. Já a atitude representa as emoções, os 

valores e sentimentos das pessoas, isto é, o comportamento 

humano.


A gestão por competências representa uma alternativa aos 
modelos gerenciais tradicionalmente utilizados pelas 
organizações. Propõe-se a orientar esforços para planejar, 
captar, desenvolver e avaliar, nos diferentes níveis da 
organização (individual, grupal e organizacional), as 
competências necessárias para alcançar seus objetivos.
A proposta da Gestão por Competências é compreender 
quais são as competências organizacionais críticas para o 
sucesso empresarial, desdobrá-las em termos de 
competências profissionais e desenvolvê-las junto ao quadro 
de funcionários internos. Trata-se de uma metodologia de 
gestão moderna, focada nos negócios, no mercado e no 
desenvolvimento profissional permanente.

A Gestão por Competências direciona sua ação 
prioritariamente para o gerenciamento da lacuna (gap) de 
competências eventualmente existente na organização ou 
equipe, procurando eliminá-lo ou minimizá-lo. A ideia é 
aproximar ao máximo as competências existentes na 
organização daquelas necessárias para a atingir os objetivos 
organizacionais.

Sob essa perspectiva, minimizar eventuais lacunas de 
competências significa orientar e estimular os profissionais a 
eliminar as incompatibilidades entre o que eles são capazes 
de fazer (competências atuais) e o que a organização 
espera que eles façam (competências necessárias).


A Gestão por Competências é composta por alguns 
subsistemas, como:

  • mapeamento e descrição de competências;
  • mensuração de competências;
  • remuneração por competências;
  • seleção por competências;
  • desenvolvimento de competências;
  • avaliação de desempenho por competências;
  • plano de desenvolvimento por competências.

MAPEAMENTO DAS COMPENTENCIAS...

O mapeamento de competências é a base de toda a Gestão 
por Competências.

O mapeamento se dá pela descrição das competências 
laborais no trabalho. Para tanto, existem fundamentalmente 
duas metodologias complementares de descrição de 
competências no trabalho, a saber:

A primeira se baseia nos recursos ou dimensões da 
competência, ou seja, os conhecimentos, habilidades e 
atitudes que se pressupõem sejam necessários para que o 
profissional possa apresentar determinado desempenho no 
trabalho.

A segunda utiliza-se de pautas ou referenciais de 
desempenho, de forma que o profissional demonstraria deter 
uma dada competência por meio da adoção de certos 
comportamentos passíveis de observação no trabalho.

Em geral, a adoção de um ou outro critério para descrição 
de competências ocorre em razão do uso que se pretende 
dar à descrição. 
Quando utilizadas em instrumentos de 
avaliação do desempenho no trabalho, por exemplo, as 
competências são descritas sob a forma de comportamentos 
passíveis de observação (referenciais de desempenho), para 
que o avaliador possa mensurar o desempenho do avaliado 
a partir dos comportamentos que este adota no trabalho. 

Quando utilizadas na formulação de ações de treinamento, 
por sua vez, então faz-se necessário descrever não apenas 
os comportamentos desejados (referenciais de 
desempenho), os quais constituirão os objetivos 
instrucionais do treinamento, mas também os 
conhecimentos, habilidades e atitudes correspondentes, os 
quais constituirão os conteúdos educacionais a serem 
ministrados.
AVALIAÇAO POR COMPETENCIAS...

Através da avaliação por competências, também chamada 
de avaliação de desempenho, será identificado se o perfil 
comportamental e técnico dos colaboradores de uma 
corporação estão alinhados ao perfil ideal exigido pelos 
cargos.

A avaliação por competências é uma maneira de estimar o 
aproveitamento do potencial individual de cada colaborador 
dentro das organizações.

O resultado da avaliação será a identificação das 
competências comportamentais e técnicas que precisam ser 
aperfeiçoadas.
BENEFICIOS 

  • Melhora o desempenho dos colaboradores;
  • Identifica as necessidades de treinamentos;
  • Alinha os objetivos e metas da organização e da equipe;
  • Reduz a subjetividade na Seleção e Avaliação de pessoas;
  • Analisa o desenvolvimento dos colaboradores;
  • Enriquece o perfil dos colaboradores, potencializando seus resultados;
  • Melhora o relacionamento entre gestores e liderados;
  • Mantém a motivação e o compromisso;
  • Extrai o máximo de produtividade de cada colaborador.

REFERENCIAS...
  1. CHIAVENATO, Idalberto. Gerenciando Pessoas. 4. ed. São Paulo: Prentice Hall, 2003
  2. Universidade Federal de Santa Catarina. COMPETÊNCIAS FUNDAMENTAIS AO TUTOR DE ENSINO A DISTÂNCIA (em português). Página visitada em 30 de Agosto de 2010.
  3. BRANDÃO, Hugo, et all, Gestão de desempenho por competências: integrando a gestão por competências, o balanced scorecard e a avaliação 360 graus. FGV, Revista de Administração Pública, Ebape — RIO DE JANEIRO 42(5):875-98, SET/OUT. 2008 
  4.  CARBONE, Pedro “GESTÃO POR COMPETÊNCIAS: uma nova metodologia de gerenciamento do capital humano”. Revista Mundo PM – Project Management, Edição 11, out-nov/2006, Curitiba, Editora Mundo, 2006.
  5.  CARBONE, Pedro; BRANDÃO, Hugo; et all, Gestão por competências e Gestão do Conhecimento”, Rio de Janeiro, Ed. FGV, 3.ed, 2009.
COMPLEMENTARES...
  1. Rabaglio, Maria Odete. Ferramentas de Avaliação de Performance com Foco em Competências. Editora QualityMark, 2005. ISBN 85-7303-512-9.
  2. Rabaglio, Maria Odete. Gestão por Competências - Ferramentas para atração e captação de talentos humanos. Editora QualityMark, 2008. ISBN 978-85-7303-804-0










ATENÇÃO MULHERES: A DB CURSOS 

CONVIDA VOCÊS Á FAZEREM O 


CURSO DE  CONTROLE DE PRAGAS 

PRA  APRENDER DEDETIZAR SUA 

PRÓPRIA CASA E 

MANIPULAR PRODUTOS QUÍMICOS, 

E

O CURSO DE

MÁQUINAS PESADAS  

VERIFIQUE OS PREÇOS EA 

QUALIDADE OPERACIONAL E GANHE 

BRINDES ESPECIAIS 



PRA VOCÊS NO ATO DA INSCRIÇÃO E 

MATRÍCULA!!! 

VENHA CONVERSAR COM 

A GENTE!!!


CONTATE NOS!!!


$$$EMPREENDA, FAÇA E VENDA$$$


~




150 g de mussarela ralada grossa


 100 g de queijo de minas ralado grosso

. 5 colheres (sopa) de maionese


. 2 tomates sem pele e sem sementes picados


. Sal e orégano a gosto


 500 g de massa curta cozida al dente 

PREPARO...30MINUTOS

1. Em um recipiente misture a mussarela, o queijo, a maionese e 

o tomate.

2. Tempere com o sal e o orégano.

3. Envolva a mistura na massa, coloque em um refratário 


untado e leve ao forno, preaquecido, a 220 ºC durante 15 

minutos. Sirva quente.

Dica: substitua a mussarela por presunto e o queijo de minas 

por queijo parmesão...

TORTA DE LIMAO
Ganache
  • 200 g de chocolate branco picado

  • 1/2 lata de creme de leite (sem soro) (5 colheres de sopa)

  • 1/4 xícara (chá) de suco de limão coado (7 colheres de 

  • sopa)

  • raspas de limão a gosto


  • Mousse de limão

  • 1 lata de leite condensado

  • 1/2 lata de creme de leite com o soro (5 colheres de sopa)

  • 1/2 xícara (chá) de suco de limão coado (14 colheres de 

  • sopa)

  • raspas de limão a gosto

  • 2 claras batidas em neve

  • 1 colher (sopa) rasa de gelatina em pó sem sabor branca

  • 3 colheres (sopa) de água fria
Marshmellow
  • 4 claras

  • 1 xícara (chá) açúcar (10 colheres de sopa)
modo de preparo
Massa
Coloque tudo numa vasilha, vá amassando com as mãos, até 

obter uma farofa úmida. Espalhe a farofa numa assadeira 

redonda de fundo falso. Apertando com as mãos. Leve para 

assar em forno pré-aquecido a 180ºC, por 12 minutos. Retire 

do forno e deixe esfriar.
Ganache
Leve ao fogo em banho maria o chocolate e o creme de leite, 

vá mexendo até o chocolate derreter e obter um creme 

homogêneo. Desligue o fogo, acrescente aos poucos o suco de 

limão e as raspas, mexa bem. Despeje o ganache sobre a 

massa assada e fria, leve a geladeira por 30 minutos 

aproximadamente.

Mousse de limão

Numa tigela, coloque o leite condensado, o creme de leite, 

misture bem, em seguida adicione o suco de limão e as 

raspas. Amoleça a gelatina na água e leve para dissolver em 

banho Maria, despeje a gelatina dissolvida na tigela, misture 

e por último, delicadamente incorpore as claras em neve.

Montagem
Retire a massa com o ganache da geladeira, despeje o mousse 

por cima. Leve a geladeira novamente por 6 horas, 

desenforme e decore a gosto.


MENSAGEM...






Nenhum comentário: