Total de visualizações de página

quinta-feira, 20 de dezembro de 2012

NR - 17 ERGONOMIA


 ANÁLISE ERGONÔMICA DO TRABALHO

A  Análise Ergonômica do Trabalho  (AET) tem como objetivo aplicar os conhecimentos da ergonomia para analisar, diagnosticar e corrigir determinada situação de trabalho. Esta técnica foi desenvolvida por pesquisadores franceses e  pode ser  considerada
como um exemplo da ergonomia corretiva, ou ergonomia de correção (IIDA, 2005).

Segundo Moraes (1998) o principal objetivo da AET é de ser um método destinado a examinar a complexidade, sem colocar em prova um modelo escolhido.

A análise ergonômica faz com que se tenha uma compreensão de tudo que aconteceu no trabalho, mostrando principalmente o desempenho de produção do funcionário. Sendo assim, com a análise ergonômica do trabalho pode-se verificar as condições reais do ambiente de trabalho, as funções desempenhadas e as condições reais da tarefa  executadas  pelos trabalhadores (IIDA, 2005).  


A  AET  é normalmente dividida  em cinco etapas: análise da demanda, análise da tarefa, análise da atividade, diagnóstico e recomendações. As três primeiras correspondem etapas são conhecidas como etapa de análise (IIDA, 2005).

Acontece que muitos postos de trabalho não se encontram adaptados a características do operador, por exemplo, a posição da máquina com que um operador trabalha ou a posição das ferramentas e materiais que utiliza em suas funções. Portanto a análise ergonômica do trabalho faz com que se torne necessária, visto que pode garantir a produtividade das tarefas e principalmente a integridade do funcionário. A figura 1 demonstra como entender cada etapa da AET (SANTOS, 1997).



SISTEMA OWAS (OVAKO WORKING POSTURE
ANALYSING SYSTEM)

O software WinOWAS (Ovako Working Posture Analysing System) trabalha com um sistema prático de registro, em que cada postura é descrita por um código de quatro dígitos, os quais representam as posições do dorso, braços, pernas, e carga, conforme demonstrado pela figura 2 (IIDA, 2005).



Avaliando essas posturas, o sistema WinOWAS classifica em quatro categorias, as quais são apontadas dependendo do tempo de duração das posturas, conforme a  jornada de trabalho realizada!



Qual o papel da Ergonomia para a saúde?


A ergonomia se preocupa com as condições gerais de trabalho, tais como, a iluminação, os ruídos e a temperatura, que geralmente são conhecidas como agentes causadores de males na área de saúde física e mental, mas que o estudo procura traçar os caminhos para a correção. O seu objetivo é aumentar a eficiência humana, através de dados que permitam que se tomem decisões lógicas.



O custo individual é minimizado através da ergonomia, que remove aspectos do trabalho, que a longo prazo, possam provocar ineficiências ou os mais variados tipos de incapacidades físicas.
Nas condições em que a atividade do indivíduo envolve a operação de uma peça de equipamento, na maioria das vezes, ele passa a constituir, com este equipamento, um sistema fechado. Este visa apresentar muitas das características de auto-regulamentação (feedback). Como dentro de tal sistema é o indivíduo quem usualmente decide, torna-se necessário que ele seja incluído no estudo da eficiência do sistema. Para que a eficiência seja máxima é preciso que o sistema seja projetado como um todo, com o homem completando a máquina e esta completando o homem.



Homens, máquinas e controles


A integração de homens e máquinas é constantemente estudada, para que seja completo o sistema, muitas máquinas são projetadas respeitando algumas informações que permitirão, ao usuário, uma maior integração.



São estudadas as funções dos indivíduos, o sexo dos operadores e como será seu desempenho em relação às atividades laborais, ou seja o tamanho, a idade dos operadores e usuários de um determinado equipamento, a força com que esta máquina será usada no país onde é feita, ou no exterior.



O estudo é feito pela média dos operadores. As máquinas tais como os guindastes, escavadeiras mecânicas e caminhões-ancinhos, liberaram o homem do trabalho físico e do emprego de ferramentas manuais. Em compensação apresentam problemas de outro tipo. A capacidade do homem de controlar os próprios movimentos deve ser transferida para os movimentos das peças da máquina, que são as rodas, os botões, as chaves, as alavancas ou manivelas. Assim sendo, elas têm que ser projetadas obedecendo às limitações e capacidades do operador, para que o sistema inteiro - homem e máquina - possa operar com eficiência máxima.




Qual é a aplicabilidade da ergonomia


Todos os conhecimentos citados podem ser aplicados ao planejamento de processos e máquinas, a disposição especial dos locais de trabalho, aos métodos de trabalho, e ao controle do ambiente físico para se alcançar maior eficiência tanto dos homens como das máquinas. Para isso é necessário conhecer o sistema nervoso, o funcionamento e a capacidade do mecanismo central, a estrutura do corpo, dos ossos, das juntas, e os músculos que fornecem energia motivacional.No binômio homem-máquina, o problema não é apenas o ajustamento de um ao outro, mas sim a adaptação conjunta dos dois. A aplicação ideal da ergonomia considera o homem como parte integrante de um sistema, no qual o estágio inicial do projeto, as características do operador humano são levados em conta, juntamente com os componentes mecânicos. O homem é melhor para determinados fins, como na tomada de decisões e a máquina para outros, como aplicação de força.



O ergonomista tem diante de si as seguintes tarefas. A primeira é estudar a ocupação, a fim de determinar o que o operador ou usuário de um determinado equipamento terá de fazer. Em um segundo momento ele deve considerar, como principal na relação com o homem, o que ele tem que ver e ouvir.



A falta e suas conseqüências


Uma das causas da baixa produtividade pode ser o desconforto, que entre as suas várias causas está diretamente ligada à adequação do corpo frente a um determinado equipamento. A questão da iluminação, que além de poder causar danos à visão, contribui significativamente na baixa pessoal da capacidade de produção de uma pessoa, quer seja em um escritório, indústria, como até mesmo em ambientes de trabalho mais sofisticados. Além disso, os ruídos e mudanças de temperatura também influem negativamente neste processo.



Com relação aos problemas de coluna, o ideal ainda é a prevenção, portanto buscar no ambiente de trabalho, a adequação de cadeiras e mesas seria o ideal para protegê-la. Mas, quando não for possível contar com um escritório mais adequado, procure sempre sentar em cadeiras com encosto reto e em casa, fuja dos sofás muito macios. Aparentemente confortáveis, eles são um convite para que você se jogue no assento de qualquer jeito. Mas o que fazer?



Atualmente várias empresas já buscam a melhoria da qualidade do 

trabalho dos empregados e já estabelecem uma série de programas 

como forma de incentivar a saúde do trabalhador. Nas grandes 

capitais e áreas mais industrializadas, o empresariado, já consciente 

dos futuros problemas, está investindo neste programas, como 

também, em estudos sobre as vantagens da ergonomia para a 

melhoria da produção nas empresas. Se por um lado, o uso da 

ergonomia pode sugerir maior gasto, por outro representa uma 

economia para a empresa e como conseqüência, a melhoria da 

saúde do trabalhador e da sociedade.

FONTE: BOA SAÚDE



$$$EMPREENDA, FAÇA E VENDA$$$$

KIT'S DE DESEJOS PARA O ANO NOVO...


kit-namorados-presente-criativo
presentes criativos: kit de manicure
trouxecerveja-2012-05-16-18-25.jpg
areavip-2012-05-16-18-25.jpg
paraiso-2012-05-16-18-25.jpg
OhNo-2012-05-16-18-25.jpg
clothingoptional-2012-05-16-18-25.jpg
avental corpo de mulher
finishline-mat-2012-05-16-18-25.jpeg

CULINÁRIA FÁCIL...



RECEITA:

PERU NA MANGUAÇA



  • ¼ xícara (chá) de óleo
  • 1 peru inteiro cortado nas juntas (+/- 5 kg)
  • 1 garrafa vinho branco seco
  • 1 garrafa espumante brut ou seco
  • 5 maçãs descascadas cortadas ao meio e sem sementes
  • 3 maçãs com casca cortadas ao meio e sem sementes
PREPARO...

1°- Em uma panela grande de alumínio ou panela que possa ir ao forno (usamos uma panela com 30 cm de diâmetro X 15 cm de altura), coloque ¼ xícara (chá) de óleo, 1 peru cortado nas juntas (+/- 6 kg) e leve ao fogo médio, mexendo sempre para dourar bem todos os pedaços, de todos os lados. Adicione 1 garrafa vinho branco seco, 1 garrafa espumante brut, 5 maçãs cortadas ao meio e sem sementes, 3 maçãs com casca cortadas ao meio e sem sementes, tampe a panela e leve ao forno a 200 °C por 1 hora.
2°- Depois deste tempo, retire a panela do forno, coloque os pedaços de peru e as maçãs com casca em uma assadeira e cubra com papel alumínio para manter aquecido.
3° - Transfira o caldo com as maçãs descascadas para o liquidificador e bata até formar uma mistura homogênea.
4° - Volte o caldo para a panela e leve ao fogo médio para encorpar o molho (+/- 20 minutos). Depois deste tempo, coloque o peru e as maçãs no molho da panela e sirva em seguida com arroz na panela de pressão e farofa.

TORTA GELADA DE PÊSSEGOS


Massa

  • 3 xícaras (chá) de farinha de trigo
  • 4 colheres (sopa) de margarina sem sal
  • 4 colheres (sopa) de açúcar
  • 2 gemas
  • 4 colheres (sopa) de leite

Recheio

  • 1 lata de leite condensado
  • 2 latas de leite (use a lata de leite condensado como medida)
  • 3 colheres (sopa) de amido de milho
  • 1 caixa de creme de leite
  • 1 lata de pêssego
  • 1 colher (sopa) de gelatina incolor
  • 3 colheres (sopa) água (para hidratar a gelatina incolor)

Cobertura

  • 1 caixa de gelatina de pêssego
  • 250 ml de água
  • 1 1/2 colher (sopa) de amido de milho
PREPARO...

Massa

Misture todos os ingredientes, amasse bem, deixe descansar por 10 minutos. Coloque a massa em uma forma média desmontável ou em um pirex (caso use pirex, é só forrar o fundo). Espalhe bem a massa forrando o fundo e os lados, fure com um garfo e leve para assar por 20 minutos. Cuidado porque assa facilmente. Deixe esfriar.

Recheio

Misture todos os ingredientes, menos o creme de leite.
Leve ao fogo mexendo sempre até engrossar, retire do fogo e misture o creme de leite e a gelatina incolor ( já hidratada no micro-ondas) . Coloque sobre a massa, arrume os pêssegos em calda picados em cubos em cima do recheio. Reserve.

Cobertura

Misture todos os ingredientes e leve ao fogo até engrossar.
Espalhe a cobertura por cima dos pêssegos picados. Procure colocar igualmente por toda a torta para que fique uma cobertura uniforme, assim dará melhor acabamento.
Leve para gelar por no mínimo 2 horas. Depois é só se deliciar e receber os elogios.
DICA: Pode ser feita de abacaxi e de morango também, é só trocar as frutas e a gelatina com sabor correspondente.
HOMENAGEM AO 
CORINTHIANSSSSSSSSS!!!!!!!!!!
BI-CAMPEÃO MUNDIAL



MENSAGEM...







Nenhum comentário: