quinta-feira, 21 de novembro de 2013


RECIPIENTE: LÍQUIDOS INFLAMÁVEIS

Muitas instalações industriais e estabelecimentos comerciais compram líquidos inflamáveis em tambores de 150 litros. Para o uso rotineiro eles transferem estes líquidos para recipientes menores. 

Os tambores devem satisfazer os rígidos padrões ICC para que possam estar qualificados como recipientes para transporte de líquidos inflamáveis. Porém, estes padrões não servem para qualificar os tambores como recipientes de armazenamento de longo prazo.

Muitos usuários assumem que é seguro armazenar tambores fechados exatamente como foram recebidos. Um tambor para ser seguro para armazenamento deve ser protegido contra a exposição a riscos de incêndio e explosão. 
O armazenamento externo deve ser preferido em relação ao interno. Porém, os tambores devem ser protegidos contra a luz solar direta e contra outras fontes de calor. 

O tampão deve ser substituído por um respiro de alívio de vácuo - pressão, tão logo o tambor seja aberto. Este tipo de respiro deve ser instalado num tambor de líquido inflamável vedado se houver qualquer possibilidade de que ele seja exposto a luz solar direta, ou for danificado de qualquer maneira, seu conteúdo deve ser imediatamente transferido para um recipiente em bom estado em que seja limpo ou que tenha sido usado para guardar o mesmo líquido anteriormente.

O recipiente substituto deve ser do tipo que satisfaça as exigências necessárias de segurança. Todo tambor deve ser verificado quanto à presença do rótulo identificando o seu conteúdo. 
É importante que este rótulo permaneça claramente visível para evitar confusão com outro inflamável e também facilitar o descarte seguro.

Talvez os equipamentos mais comuns para armazenar pequenas quantidades de líquidos inflamáveis sejam aqueles portáteis, variando de 1 a 15 litros. Os recipientes seguros são feitos de várias formas.

Recipientes especiais podem ser usados para líquidos viscosos como os óleos pesados. Os recipientes para o uso final também são fabricados de muitas formas, para diferentes aplicações.
Somente os recipientes de segurança reconhecidos FM ou UL 
devem ser considerados aceitáveis para o manuseio de líquidos inflamáveis, seja para o armazenamento, transporte ou utilização final. Os recipientes devem ser pintados de vermelho e ter rótulos claramente visíveis e legíveis que identifiquem os conteúdos e indiquem os riscos existentes.

O aço inoxidável ou recipientes sem pintura podem ser usados para líquidos corrosivos ou de dissolução de tinta. Os líquidos inflamáveis geralmente são comprados em pequenos recipientes com tampas e roscas. Embora eles satisfaçam rígidos padrões para se qualificarem como recipientes para transporte, não oferecem necessariamente proteção contra o fogo, o que é exigido de recipientes para armazenamento e transporte de líquidos combustíveis e inflamáveis. Conseqüentemente recomenda-se que em cada caso em que um grau maior de segurança deva ser obtido, todos os líquidos inflamáveis sejam transferidos para recipientes “reconhecidos”, tão logo os recipientes de transporte sejam abertos. 

Nunca tente abrir um recipiente usando maçarico ou outro objeto sem que tenha sido feita a desgaseificação. Procure orientação em caso de dúvida com a segurança do trabalho.

















CONTATE-NOS!!! ESTAMOS Á SUA 

DISPOSIÇÃO SEMPRE!!!



AOS ANIVERSARIANTES DO DIA...


$$$EMPREENDA, FAÇA E VENDA$$$



CULINÁRIA FÁCIL...
ARROZ INDIANO COM LIMÃO, AMENDOIM E ROMÃ

Ingredientes

2 xícaras de arroz cozido soltinho (de preferência basmati)

1 colher (sopa) de azeite

2 colheres (chá) de sementes de mostarda preta

Folhas de curry (opcional)

Pimenta vermelha seca

Pimenta malagueta em rodelas a gosto

1 colher (sopa) de gengibre fresco ralado

1/3 de xícara de amendoim torrado sem pele

1/4 de colher (chá) de açafrão-da-terra (cúrcuma)

Sal a gosto

Suco de 2 limões (mais ou menos se preferir)

Sementes de romã rosa

Preparo

Aqueça o óleo e coloque as sementes de mostarda. 

Quando começarem a pipocar, junte o amendoim. Depois 

que começar a dourar, adicione as folhas de curry, a 

pimenta vermelha, a malagueta e o gengibre. Mexa por uns 

dois minutos. Adicione o açafrão-da-terra, o arroz e sal a 

gosto. Misture cuidadosamente para não machucar o arroz. 

Desligue o fogo, acrescente o suco de limão. Torne a 

misturar levemente e sirva com as sementes de romã por 

cima.

Dica - Se preferir, substitua o amendoim por castanhas-de-

caju.

Barrinhas de Coco e Chocolate

Ingredientes

1/4 de xícara de batata cozida e amassada

1 1/2 xícara de açúcar de confeiteiro

1 a 1 1/2 xícara (chá) de coco ralado

Essência de coco (opcional)

Amêndoas cruas (opcional)

300 g de chocolate* meio amargo para banhar

Preparo

Em um bowl, coloque a batata amassada já fria e 1/2 xícara 

de açúcar de confeiteiro. Com a ajuda de uma espátula pão 

duro misture até conseguir uma consistência líquida. Se for 

utilizar, adicione a essência de coco e misture bem. Junte o 

açúcar de confeiteiro restante e misture bem até conseguir 

uma pasta grossa. Por último, junte o coco ralado e misture 

com as mãos, porque é uma massa bem pesada. Você 

pode fazer bolinhas, barrinhas, etc. (eu coloquei o recheio 

de coco em uma forma e depois cortei as barrinhas com o 

auxílio de uma faca). Banhe as barrinhas/bombons no 

chocolate temperado ou fracionado e coloque uma 

amêndoa por cima. Deixe cristalizar em uma folha de papel 

manteiga.









MENSAGEM...



Nenhum comentário: