quarta-feira, 25 de julho de 2012




Você Teve um Acidente de Trabalho?!?!? 
Caracterizar e registrar as doenças do trabalho, no Brasil, ainda tem sido uma tarefa muito difícil. Isto acontece, segundo Waissmann, devido às dificuldades em notificá-las e pelo fato de os mecanismos de proteção ao trabalhador não serem muito bem definidos. 
O acidente é muito mais fácil de se notificar porque se vê, o que não acontece com as doenças, que surgem lentamente e nem sempre são diretamente relacionadas ao trabalho.
 Se você sofreu uma lesão de um

acidente de trabalho, você deve se certificar de que está registrado no livro do seu empregador acidente.
No caso em que o empregador não mantém um livro para registro de acidentes, você precisa anotar todos os detalhes que cercam sua lesão eo acidente em si.


Guarde uma cópia desta informação para seus próprios registros e certifique-se que o seu empregador tem uma cópia também.

Fazer a Reclamação para a sua lesão

Se você for vítima de um acidente que faz com que você lesão, você pode querer procurar uma explicação para os eventos que ocorreram e causou o acidente acontecer, em primeiro lugar.

Você também pode procurar um pedido de desculpas formal com o seu empregador, e, ocasionalmente, isto pode ser feito através de um procedimento de queixa formal.No entanto, há uma desvantagem para a prossecução deste processo de reclamações, pois pode ser prolongada, e, finalmente, resulta em apenas um pedido de desculpas oficial.

Compreensivelmente, se tiver sofrido uma lesão corporal a partir de umacidente de trabalho

, você pode querer compensation.However financeira, há limitações de tempo que será necessário para você aderir a este tipo de caso, eo processo de um procedimento de reclamações poderia afectar a sua capacidade de buscar compensação no futuro.

Há uma série de autoridades a quem você pode enviar sua reclamação, como o departamento local do governo, autoridade, o seu empregador, uma instituição do Serviço Nacional de Saúde ou hospital.

Se você estiver localizado no País de Gales, então você pode beneficiar o NHS Reparação arranjos, o que permite um empregado que pede indenização de combinar com a apresentação de queixa.

Se você ainda quiser mais informações sobre a apresentação de uma queixa, ele pode estar em seu melhor interesse de olhar em busca de um especialista que lida com estas questões.


Baixa Prioridade

O presidente da Federação dos Empregados Rurais Assalariados no Estado de São Paulo (Feraesp), Élio Neves, avalia que a situação brasileira quanto a saúde e segurança no trabalho é muito falha e colocada em prioridade inferior. Para ele, o lucro tem sido a tônica.
O sindicalista ressalta que essa questão deveria ser primordial no âmbito da responsabilidade social. “A cada ano que passa, as empresas encontram mecanismos ilegais para reduzir custos de produção, o que inclui cortes na prevenção de saúde e segurança”, indigna-se.
Segundo Neves, o alto número de acidentes é preocupante, pois tem deixado trabalhadores com seqüelas para o resto da vida. Ele lembra que também há muitos acidentes de percurso na colheita de cana, ou seja, que ocorrem durante o transporte do trabalhador até a lavoura. “Poucas são as empresas que utilizam ônibus e mesmo as que os tem não os oferecem em condições adequadas de segurança”.
Os problemas do setor agrícola, segundo o presidente da Feraesp incluem o descaso com as terceirizações da colheita e do corte e a falta da aplicação do Plano de Assistência Social (PAS).




Buscando Compensação

Você pode pedir uma indenização de várias maneiras, incluindo:

Prosseguindo o seu caso através do sistema de tribunal civil

Usando os serviços de um sindicato

Apresentação de uma queixa usando o INSS

Buscando compensação do governo

em certos casos especiais


Tipos e quantidades de Compensação


Se você sentir uma lesão corporal a partir de um

acidente de trabalho, você pode ser capaz de obter compensação por meio de dois tipos diferentes de danos, referidos como danos especiais e gerais.]

Danos em geral são atribuídos como compensação por danos pessoais que lhe causou dor e sofrimento ou a incapacidade de ganhar salários no futuro.

O montante da indemnização por danos gerais é determinada pelo tribunal e concedido aos feridos.

Danos especiais são concedidos como compensação por acidentes de trabalho

que causam a perda financeira diretamente relacionada com a lesão em si, tais como despesas médicas.

Normalmente, os danos especiais irá cobrir todas as perdas aplicável, que ocorre entre o momento do acidente ea data do lesado tribunal.

O montante atribuído a você pode ser reduzido ou inexistir se o acidente que resultou em sua lesão foi parcialmente causada por sua própria negligência.

Em ambos os casos, os tribunais vão passar por cima dos detalhes de seu acidente e as lesões para determinar o prêmio mais adequado financeiramente.



$$$EMPREENDA, FAÇA E VENDA$$$
QUE TAL FAZER BICICLETAS DE BAMBU?!?!?

A partir deste mês, 4.600 alunos da rede pública de São Paulo, com 

idades entre 12 e 14 anos, vão começar a ir para a aula de bicicleta. 

Os veículos serão distribuídos pela Secretaria Municipal de 

Educação, que também irá treinar os estudantes para pedalar com 

segurança. A iniciativa faz parte do projeto Escolas de Bicicleta, 

que chama a atenção pela vanguarda, mas também pela matéria-

prima das bikes: o bambu.




As chamadas bambucicletas são uma criação do designer carioca 

Flávio Deslandes, 39 anos, radicado há 12 na Dinamarca. Formado 

em Desenho Industrial pela PUC-Rio, ele começou a pesquisar em 

1994 a fabricação de equipamentos à base de bambu, como 

andadores para portadores de necessidades especiais. Sua 

motivação sempre foi associar design moderno com materiais 

naturais. “Desde o começo, percebi que o bambu — uma estrutura 

feita em forma de tubo pela natureza — tinha um potencial 

tremendo.” O material é 17% mais resistente que o aço quando 

forçado no sentido longitudinal (como nos quadros de bike) e tem a 

leveza do alumínio (sem os danos ambientais causados por sua 

fabricação). Por ser flexível, resiste a trepidações e dura mais. 

“Santos Dumont usou bambu na construção dos primeiros modelos 

de seus aviões. Então pensei: vou conseguir fazer uma bicicleta.”



O primeiro protótipo foi apresentado como projeto final de 

graduação em 1999 e patenteado em 2005. As peças são coladas 

entre si usando uma resina vegetal. Além da eficiência 

aerodinâmica, o designer vê outras vantagens no material. A 

primeira é ambiental: além de abundante, não requer fertilizantes no 

cultivo e ainda emite oxigênio enquanto cresce. A segunda é social, 

já que o bambu emprega mais de dois bilhões de pessoas ao redor 

do mundo.




Deslandes veio especialmente ao Brasil para treinar 15 pessoas das 

comunidades beneficiadas pelo Escolas de Bicicleta para fabricar 

os quadros das quase 5 mil bikes do projeto. 

Para o designer, a adoção das bambucicletas abre caminho para 

tornar a metrópole mais amigável. “Hoje, o grande obstáculo para o 

uso de bicicletas nas cidades brasileiras é a agressividade do 

trânsito”, afirma. “Um programa como esse prepara os motoristas 

para a convivência com ciclistas e forma as crianças, futuras 

motoristas, para um trânsito mais humano.” 

Fonte: Galileu





CULINÁRIA FÁCIL..
CARNE ASSADA NA PANELA DE PRESSÃO...
Ingredientes:
- 1 kg de miolo de acém
- 2 folhas de louro
- 2 colheres de sopa de vinagre
- 1 cebola picadinha
- 4 dentes de alho
- 5 colheres de sopa de shoyu
- Cominho a gosto
- Pimenta branca a gosto
- Sal a gosto
- Noz-moscada a gosto
- 1 colher de sopa de óleo
Modo de Preparo:
1. Misture todos os temperos em um recipiente, em seguida acrescente os temperos a carne deixar marinar por 40 minutos
2. Aqueça a panela de pressão, e adicione o óleo, a carne com o molho do tempero (não coloque água)
3. Feche a panela de pressão e quando começar a pegar pressão , abaixe o fogo e marcar 1 hora de cozimento, se necessário deixe mais alguns minutos.
Dica:
Para acomapnhar a carne assada coloque algumas batatas cozidas passadas no molho da panela após retirar a carne. Sriva com arroz branco e uma farofinha de ovos.



PAVÊ DE AMEIXA COM DOCE DE LEITE

INGREDIENTES:

1 lata de leite condensado
2 latas de leite de vaca
1 lata de creme de leite
250 gr de ameixa preta sem caroço
2 colheres de sopa de maisena
300g de biscoito champagne

MODO DE FAZER:


Faça o creme com o leite condensado, adicione a maisena no leite para dissolver e leve esse três primeiros ingredientes ao fogo, assim que ferver, retire do fogo, adicione o creme de leite e reserve.

Forre o fundo do pirex com os biscoitos adicione o creme ainda quente. Por cima coloque as ameixas em calda.

DICA DA VOVÓ: Podemos comprar as ameixas em calda, mas eu sempre faço em casa.

Coloque pra ferver um copo pequeno de água com um pouco de açúcar e as ameixas, assim que começar a ferver irá sentir que as ameixas estão amolecendo e se abrindo, elas mesmas farão com que a calda fique mais grossinha. 

Em geral primeiro coloco dois saquinhos de chá preto para fazer nessa água, antes de começar a fazer essa calda de ameixa, ela dá um toque para tirar o excesso de doce. Fica uma delícia!!!


MENSAGEM...





Nenhum comentário: