terça-feira, 6 de dezembro de 2011

EPC's - O QUE É ISSO?!?!?

Equipamentos de Proteção Coletiva ou EPCs

São dispositivos utilizados à proteção de trabalhadores durante realização de suas atividades. O EPC serve para neutralizar a ação dos agentes ambientais, evitando acidentes, protegendo contra danos à saúde e a integridade física dos trabalhadores, uma vez que o ambiente de trabalho não deve oferecer riscos à saúde ou à a segurança do trabalhador.
Exemplos de equipamentos de proteção coletiva:
  • Fitas de demarcação reflexivas - Utilizadas para delimitação e isolamento de áreas de trabalho.
  • Cones de sinalização – Têm Finalidade de sinalização de áreas de trabalho e obras em vias públicas ou rodovias e orientação de trânsito de veículos e de pedestres e podem ser utilizados em conjunto com fita zebrada, sinalizador STROBO ou bandeirolas.
  • Conjuntos para aterramento temporário – Têm a finalidade de garantir que eventuais circulações de corrente elétrica fluam para a terra, minimizando os riscos aos trabalhadores.
  • Detectores de tensão para baixa tensão e alta tensão – Têm a finalidade de comprovar a ausência de tensão elétrica na área a ser trabalhada.
  • Coberturas isolantes – Têm a finalidade de isolar partes energizadas de redes elétricas de distribuição durante a execução de tarefas.
  • Exaustores - Têm a finalidade de remover ar ambiental contaminado ou promover a renovação do ar saudável.
Como o próprio nome sugere, os equipamentos de proteção coletiva (EPC) dizem respeito ao coletivo, devendo proteger todos os trabalhadores expostos a determinado risco. Como exemplo podemos citar o enclausuramento acústico de fontes de ruído, a ventilação dos locais de trabalho, a proteção de partes móveis de máquinas e equipamentos, a sinalização de segurança, a cabine de segurança biológica, capelas químicas, cabine para manipulação de radioisótopos, extintores de incêndio, dentre outros.
Equipamento de Proteção Coletiva - EPC: é toda medida ou dispositivo, sinal, imagem, som, instrumento ou equipamento destinado à proteção de uma ou mais pessoas.
As medidas e os equipamentos de proteção coletiva visam, além proteger muitos trabalhadores ao mesmo tempo, à otimização dos ambientes de trabalho, destacando-se por serem mais rentáveis duráveis para a empresa.
EXEMPLOS
- Limpeza e organização dos locais de trabalho.
- Sistema de exaustão colocado em um ambiente de trabalho onde há poluição.
- Isolamento ou afastamento de máquina muito ruidosa.
- Colocação de aterramento elétrico nas máquinas e equipamentos.
- Proteção nas escadas através de corrimão, rodapé e pastilha antiderrapante.
- Instalação de avisos, alarmes e sensores nas máquinas, nos equipamentos e elevadores.
- Limpeza ou substituição de filtros e tubulações de ar-condicionado.
- Instalação de pára-raios.
- Iluminação adequada.
- Colocação de plataforma de proteção em todo o perímetro da face externa dos prédios nas obras de construção, demolição e reparos.
- Isolamento de áreas internas ou externas com sinalização vertical e horizontal.




  • Cabine para histologia
    A cabine deverá ser construída em aço inox, com exaustão por duto. É específica para trabalhos histológicos.
  • Capela Química
    A cabine deverá ser construída de forma aerodinâmica, de maneira que o fluxo de ar ambiental não cause turbulências e correntes, reduzindo, assim, o perigo de inalação e a contaminação do operador e do ambiente.
  • Manta ou cobertor
    É utilizado para abafar ou envolver a vítima de incêndio, devendo ser confeccionado em lã ou algodão grosso, não sendo admitido tecidos com fibras sintéticas.
  • Vaso de areia ou balde de areia
    É utilizado sobre o derramamento de álcalis para neutralizá-lo.
  • Mangueira de incêndio
    O modelo padrão, comprimento e localização são fornecidos pelas normas do Corpo de Bombeiros.
  • Sprinkle

  • É o sistema de segurança que, através da elevação de temperatura, produz fortes borrifos de água no ambiente (borrifador de teto).




  • Alça de transferência descartável
    São alças de material plástico estéril, descartáveis após o uso. Apresentam a vantagem de dispensar a flambagem.
  • Microincinerador de alça de transferência metálica
    São aquecidos a gás ou eletricidade. Possuem anteparos de cerâmica ou de vidro de silicato de boro para reduzir, ao mínimo possível, a dispersão de aerossóis durante a flambagem das alças de transferência.
  • Luz Ultra Violeta
    São lâmpadas germicidas, cujo comprimento da onda eficaz é de 240 nm. Seu uso em cabine de segurança biológica não deve exceder a 15 minutos. O tempo médio de uso é de 3000 horas.
  • Dispositivos de pipetagem
    São os dispositivos de sucção para pipetas. Ex.: pipetador automático, pêra de borracha e outros.
  • Proteção do sistema de vácuo
    São filtros do tipo cartucho, que impedem a passagem de aerossóis. Também é usado o frasco de transbordamento, que contém desinfetante.
  • Contenção para homogeneizador, agitador, ultra-som, etc
    Devem ser cobertos com anteparo de material autoclavável e sempre abertos dentro das cabines de segurança biológica.
  • Anteparo para microscópio de imunofluorescência
    É o dispositivo acoplado ao microscópio, que impede a passagem de luz ultravioleta, que poderá causar danos aos olhos, até mesmo levando o operador à cegueira.
  • Kit para limpeza em caso de derramamento biológico, químico ou radioativo
    É composto de traje de proteção, luvas, máscara, máscara contra gases, óculos ou protetor facial, bota de borracha, touca, pás para recolhimento do material, pinça para estilhaços de vidro, panos de esfregão e papel toalha para o chão, baldes, soda cáustica ou bicarbonato de sódio para neutralizar ácidos, areia seca para cobrir álcalis, detergente não inflamável, vaporizador de formaldeído, desinfetantes e sacos plásticos.
  • Kit de primeiros socorros
    É composto de material usualmente indicado, inclusive antídoto universal contra cianureto e outros antídotos especiais.


  • FONTE:
    LIMA e SILVA, F.H.A. Barreiras de Contenção. In: Oda, L.M. & Avila, S.M. (orgs.). Biossegurança em Laboratórios de Saúde Pública. Ed. M.S., p.31-56, 1998. ISBN: 85-85471-11-5
    ...

    MENSAGEM...





    COM AMOR
    "E, sobre tudo isto, revesti-vos de caridade, que é o vinculo da perfeição." - Paulo.
    (COLOSSENSES, 3:14.)

    Todo discípulo do Evangelho precisará coragem para atacar os serviços da redenção de si mesmo.

    Nenhum dispensará as armaduras da fé, a fim de marchar com desassombro sob tempestades.

    O caminho de resgate e elevação permanece cheio de espinhos.

    O trabalho constituir-se-á de lutas, de sofrimentos, de sacrifícios, de suor, de testemunhos.

    Toda a preparação é necessária, no capitulo da resistência; entretanto, sobre tudo isto é indispensável revestir-se nossa alma de caridade, que é amor sublime.

    A nobreza de caráter, a confiança, a benevolência, a fé, a ciência, a penetração, os dons e as possibilidades são fios preciosos, mas o amor é o tear divino que os entrelaçará, tecendo a túnica da perfeição espiritual.

    A disciplina e a educação, a escola e a cultura, o esforço e a obra, são flores e frutos na árvore da vida, todavia, o amor é a raiz eterna.

    Mas, como amaremos no serviço diário?

    Renovemo-nos no espírito do Senhor e compreendamos os nossos semelhantes.

    Auxiliemos em silêncio, entendendo a situação de cada um, temperando a bondade com a energia, e a fraternidade com a justiça.

    Ouçamos a sugestão do amor, a cada passo, na senda evolutiva.

    Quem ama, compreende; e quem compreende, trabalha por um mundo melhor. 

    LIVRO VINHA DE LUZ 

    CULINÁRIA FÁCIL

    COSTELA BOVINA COM LINGÜIÇA APIMENTADA NA PRESSÃO...


    Ingredientes




    1/5 kg de costela de vaca
    1/2 kg de de linguiça apimentada
    200 g de bacon em cubos
    4 cebolas grandes cortadas em rodelas
    4 knorr
    sal á gosto
    Modo de Preparo
    Forre o fundo da panela de pressão com um pouco da cebola em
    rodelas, coloque alguns pedaços de costela com o osso virado para
    baixo, esfarele dois knorr e cubra com metade das linguiças
    apimentadas.Coloque mais uma camada de cebolas, o restante das
    costelas, dois tabletes de knorr esfarelado, sal á gosto, o
    restante da linguiça apimentada e cubra com a cebolas em
    rodelas.
    Tampe a panela leve ao fogo alto assim que pegar pressão abaixe o
    fogo e cozinhe por 45 minutos.
    Desligue o fogo espere acabar a pressão,coloque em refratário
    médio sirva com arroz branco e salada de sua preferência.
    
    
    
    
    • Categoria:Carnes
    • Comida: Brasileira
    • Tempo de Preparo: 45 min
    • Tipo de Preparo: Cozidos
    • Preço: R$17,00
    • Rendimento: 4 porções
    Good Day Scraps

    Um comentário:

    Anônimo disse...

    Boa receita!
    Mas, quantos ml coloco de água?